CIPÓ no Dialogo Chino: o desmatamento em municípios da Amazônia Legal e a China

Em artigo de opinião para o Diálogo Chino, assinado pelos pesquisadores da CIPÓ Flávia do Amaral Vieira e João Ricardo Cumaru Silva Alves, e pela Diretora Executiva Adriana Abdenur, os autores comentam pesquisa feita pela Plataforma CIPÓ que analisa os dados de desmatamentos em 219 municípios da Amazônia Legal, no período de 2020 a 2022.
No ranking, o estado do Mato Grosso foi líder, com 9 dos 20 municípios com maior aumento de desmatamento.

A pesquisa observou a ligação da evolução das produções com o aumento do desmatamento, desde a extração de madeira, à pecuária e cultivo de soja, sendo a segunda a principal responsável por esse desmatamento na área, seguida pelo cultivo da soja para exportação, da qual 80% vai para a China, destacando-se aí a participação do gigante asiático no processo.
Não são descartadas outras formas de desmatamento, como na alimentação de mercado interno e infraestrutura de transportes.

Em meio a este cenário, tem-se também o agravante das tentativas do agronegócio de enfraquecer as políticas de proteção ambiental

Sendo a China o principal país comprador de produtos agrícolas brasileiros, o país é essencial na cooperação internacional para a diminuir os crimes ambientais na Amazônia.
A cooperação internacional é, portanto, imprescindível para que o desenvolvimento econômico do Brasil seja mais transparente e responsável.

Para reduzir os impactos socioambientais, diretos e indiretos, da produção de commodities para exportação, recomendamos que o governo brasileiro estabeleça mecanismos mais eficazes de rastreabilidade e sustentabilidade das cadeias de produção com pegada ambiental na Amazônia. Também sugerimos que seu planejamento agroambiental considere a gestão de riscos ambientais e climáticos e inclua o incentivo ao manejo florestal e à agricultura familiar.

Plataforma CIPÓ

Essas medidas devem ser tomadas a fim de combater o crime ambiental e proteger a soberania alimentar e o comércio justo.
Outro caminho para promover um modelo de desenvolvimento mais sustentável e justo climaticamente é a negociação de uma declaração política bilateral com a China, assim, o desmatamento e os crimes ambientais poderiam ser diminuídos ou até cessados.

Plataforma CIPÓ
Plataforma CIPÓhttps://plataformacipo.org/
A Plataforma CIPÓ é um instituto de pesquisa independente liderado por mulheres e dedicado a questões de clima, governança e paz na América Latina e no Caribe e no resto do Sul Global.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor, insira aqui o seu nome
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img

Sigam-nos nas Redes Sociais

Últimos Posts