New York Times: CIPÓ comenta atuação de Lula nas questões ambientais após assumir a presidência

A participação do presidente eleito Luis Inácio Lula da Silva na Conferência do Clima 2022 (COP27) continua recebendo destaque. Desta vez, sob a ótica do New York Times.

A Diretora Executiva da CIPÓ, Adriana Abdenur, participou da matéria “Expectations Run High as an Exuberant Lula Speaks at Climate Summit”, publicada no dia 17/11/2022. Nela, Abdenur destaca a dificuldade, mas não impossibilidade, do governo de Lula alcançar êxito na política ambiental, mesmo com maioria do Congresso contrária aos seus ideais.

“É uma situação desafiadora, mas não impossível. (…) A revitalização de agências ambientais e fornecimento de fundos melhores para executar podem ser feitos em grande parte sem o congresso.”

Adriana Abdenur

Adriana comenta ainda sobre o possível efeito de um presidente comprometido com a pauta ambiental:

“O mero fato de que nós teremos um presidente que não endossa abertamente a destruição da Amazônia – ou seja, a expansão intencional do crime ambiental – certamente nos dá motivo para acreditar que essa postura terá um efeito positivo,”, diz Abdenur.

Adriana Abdenur para The New York Times
Plataforma CIPÓ
Plataforma CIPÓhttps://plataformacipo.org/
A Plataforma CIPÓ é um instituto de pesquisa independente liderado por mulheres e dedicado a questões de clima, governança e paz na América Latina e no Caribe e no resto do Sul Global.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor, insira aqui o seu nome
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img

Sigam-nos nas Redes Sociais

Últimos Posts