Como as questões climáticas devem ser integradas à Agenda de Mulheres, Paz e Segurança da ONU?

A Diretora Executiva da CIPÓ, Adriana Abdenur, escreveu — em parceria com Mayesha Alam, Adam Day, Cristal Downing e Beatrice Mosello (United Nations University Centre for Policy Research) — o artigo “How Can Climate Considerations Be Better Integrated into the Women, Peace, and Security Agenda?” (Como as questões climáticas podem ser melhor integradas à Agenda de Mulheres, Paz e Segurança?, disponível em inglês).

O artigo, publicado no dia 15 de outubro de 2021 pelo Global Observatory (Observatório Global), do International Peace Institute (IPI), enfatiza que o momento atual é propício para ideias inovadoras e soluções pragmáticas sobre o nexo entre as mudanças climáticas e pauta de gênero, paz e segurança, sobretudo em razão do 21º aniversário da Resolução 1325 do Conselho de Segurança da ONU, que reconhece o impacto dos conflitos armados sobre as mulheres e meninas, e trabalha para sua proteção e plena participação em processos de paz.

Leia o resumo da publicação:

À medida que os impactos das mudanças climáticas se tornam mais claros — conforme apontado no último relatório do Painel Internacional sobre Mudanças Climáticas (IPCC), publicado em agosto de 2021 — as respostas a esse fenômeno exigirão uma abordagem ágil e transformacional, baseada em soluções inovadoras e políticas inclusivas, inclusive no que diz respeito a questões de gênero. Nossa compreensão das dimensões de gênero associadas às mudanças climáticas ainda é incipiente e, embora existam pesquisas sobre os impactos diferenciados do fenômeno, bem como sobre a exclusão das mulheres da tomada de decisões sobre as mudanças climáticas, grandes lacunas permanecem, inclusive no que diz respeito à segurança. Ou seja, a sobreposição entre a agenda da ação climática e a agenda sobre Mulheres, Paz e Segurança (MPS) na Organização das Nações Unidas (ONU) merece mais atenção.

Plataforma CIPÓhttps://plataformacipo.org/
A Plataforma CIPÓ é um instituto de pesquisa independente liderado por mulheres e dedicado a questões de clima, governança e paz na América Latina e no Caribe e no resto do Sul Global.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor, insira aqui o seu nome

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img

Sigam-nos nas Redes Sociais

Últimos Posts