Cooperação Sul-Sul em clima e meio ambiente: caminhos para a Política Externa Brasileira

Ao promover uma Política Externa que negligencia a Cooperação Sul-Sul, o Brasil perde uma série de oportunidades, tanto no sentido de expandir influência no plano internacional, como em termos de colher os benefícios concretos que resultam do intercâmbio de experiências com outros países em desenvolvimento. Como a Política Externa Brasileira de um futuro governo poderia recuperar o tempo perdido e revitalizar não apenas a Cooperação Sul-Sul de modo geral, mas também inovar nessa modalidade de cooperação nas áreas de clima e meio ambiente em específico?

Em artigo de opinião publicado na Carta Capital em 11 de maio de 2022, a Diretora Executiva da CIPÓ, Adriana Abdenur, aponta alguns caminhos para a Política Externa nessa área. O texto faz parte de uma série de artigos e análises que a CIPÓ está elaborando durante o período eleitoral. 

Plataforma CIPÓ
Plataforma CIPÓhttps://plataformacipo.org/
A Plataforma CIPÓ é um instituto de pesquisa independente liderado por mulheres e dedicado a questões de clima, governança e paz na América Latina e no Caribe e no resto do Sul Global.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor, insira aqui o seu nome
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img

Sigam-nos nas Redes Sociais

Últimos Posts